Design do ano 2009 Londres – transportes

Da Daimler, o Car2Go

O eletrônico Th!nk City

A mostra de projetos apontados para o Designs of the Year 2009 britânico abriu hoje no Design Museum, em Londres. Na categora transporte, além dos minicarros, uma peça muito interessante.

De Eric Larson, Ricky Biddle, Ben Shao e Austin Cliffe, a cadeira Balance Sport

A cadeira de rodas com molejo para manobras circulares, com mais equilíbrio e versatilidade.

Anúncios

Design do ano 2009 Londres

De Konstantin Grcic, as cadeira Myto, para a Plank

A exposição do objetos e projetos candidatos apontados para o Designs of the Year 2009 britânico abriu hoje, 12 de fevereiro,  para o público no Design Museum, em Londres. Nas imagens, minha seleção pessoal de “concorrentes” da categora mobiliário. Com o nome do designer e da empresa que contrata o projeto.

De Adam Goodrum, as cadeiras Stitch, para a Cappellini

Os vencedores de cada categoria serão anunciados no dia 23 de fevereiro e o projeto vencedor do ano será conhecido no dia 18 de março.

De Ronan e Erwan Bouroullec, a família Magis Steelwood (mesa, cadeira e aparador/estante), para a Magis

O concurso tem sete categorias: arquitetura, transporte, gráfica, design interativo, produto, mobiliário e moda.

De Nacho Carbonell, série Evolution

Um grupo de notáveis é convidado a apontar cinco projetos com o melhor do melhor em inovação e idéias prospectivas na produção do ano anterior ao redor do mundo.

De Tord Boontje, as Folhas de Figo, para a Meta

GeneroCidade

Começa hoje na Cidade da Arquitetura e do Patrimônio, em Paris, a mostra “GeneroCité”.

A exposição, que fica até 29 de março, é uma remontagem da mostra do pavilhão francês na última Bienal de Veneza, na qual a curadoria a cargo do grupo French Touch apresenta 100 projetos que privilegiam a “generosidade” contra a banalidade e a generalização da arquitetura.

O conceito de generosidade defendido pela curadoria é ligado à qualidade de projeto e a práticas responsáveis – mais espaço interno, mais espaço externo, uso de energias renováveis, baixos custos.

Significa também a reafirmação do papel social do arquiteto na definição dos modos de vida e das práticas urbanas.

Participa da mostra o Triptyque, escritório baseado em São Paulo, montado por franceses e brasileiros, com dois edifícios (Harmonia e Fidalga).

Pintura e arquitetura na Galeria Millan

Sem título, de Komatsu (2008)

Cinco brasileiros – André Komatsu, Emmanuel Nassar, Fábio Miguez, Lia Chaia, Lucia Laguna, um alemão, Henrik Eiben, e um francês, Thomas Vinson expõe seus trabalhos de 7 de fevereiro a 7 de março na Galeria Millan, em São Paulo, tratando das conexões entre pintura e arquitetura.

A Galeria Millan fica na rua Fradique Coutinho, 1.360, São Paulo, tel 55 11 3031-6007