Artistas e críticos discutem arte pública

MARA GAMA
EDITORA-ADJUNTA DA ILUSTRADA

Evento: Seminário Arte Pública
Quando: de 17 a 19 de outubro
Onde: Sesc Paulista (av. Paulista, 119, Paraíso)
Quanto: grátis
Inscrições: pelo telefone 011/284-2111, ramais 2003 ou 2017

Durante três dias, artistas, críticos, arquitetos e historiadores se encontram em São Paulo para discutir a arte que está nas ruas, praças e espaços públicos das cidades.

Organizado pelo Sesc e pelo Usis (United States Information Service), órgão de intercâmbio cultural ligado ao governo dos EUA, o Seminário Arte Pública traz ao Brasil quatro especialistas norte-americanos para palestras.

Idealizado pela artista plástica Denise Milan, autora de várias esculturas instaladas em São Paulo e pesquisadora do tema, o seminário vai debater conceitos de arte pública na história, formas de financiamento utilizadas no Brasil e nos Estados Unidos e a interferência das obras nas grandes cidades.

O seminário será aberto na terça-feira, às 19h, pelo historiador Michael Brenson, ex-crítico do “The New York Times”, e editor das revistas “Sculpture” e “Art Journal”. Brenson fará uma palestra sobre arte pública no século 20. Será acompanhado pelo arquiteto Paulo Mendes da Rocha.

No dia 18, às 15h, a crítica de arte norte-americana Harriet Senie e a professora Aracy Amaral falam sobre história e crítica da arte pública nos EUA e no Brasil.

As historiadoras Radhá Abramo e Maria Alice Milliet de Oliveira relatam as experiências de arte pública na praça da Sé, na Cidade Universitária, no Metrô e no MAM de São Paulo.

Às 19h, o historiador Tom Finkelpearl, diretor do programa “Percent for Art” (porcentagem para a arte), fundo que recolhe impostos sobre a construção civil da cidade de Nova York, faz palestra sobre financiamento privado nos EUA. Em seguida, fala o ex-presidente da Fundação Padre Anchieta e ex-secretário de Comunicação Social Roberto Muylaert.

No dia 19, às 15h, os arquitetos Roberto Mac Fadden e Julio Neves fazem painel sobre arquitetura. Às 16h30, a diretora-executiva do Creative Time, organização promotora de arte pública em Nova York, dá palestra sobre a instituição, seguida pelo curador do Arte-Cidade, Nelson Brissac Peixoto. Arte e ecossistema e patrimônio histórico serão temas de Marcia Lucia Guilherme e Francisco Zorzete. Encerra o seminário a palestra “Entre o Paraíso e o Inferno”, do historiador Nicolau Sevcenko.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s