O copo d’água de Bill Gates e o tratamento local de esgoto

A imagem de Bill Gates tomando um copo d’água bombou em vídeos e fotos na mídia e nas redes sociais. O fundador da Microsoft tomou água que cinco minutos antes era esgoto, resultado de um dos projetos incentivados pela Fundação Bill e Melinda Gates para a transformação de dejetos humanos em energia e água potável, o JBO (Janicki Bioenergy Omniprocessor).

Segundo a fundação, a usina de tratamento é capaz de produzir diariamente 86 mil litros de água, com os dejetos de 100 mil pessoas, e pode ser reajustada para lugares mais populosos.

A usina ferve os dejetos, purifica o vapor resultante e dele retira água potável. O esgoto sólido é queimado e o seu gás passa por um gerador que produz eletricidade.

Ela é autossuficiente em energia e, além de gerar a eletricidade que necessita para operar, pode devolver para uma rede externa, pública ou privada, 250 kW diariamente. A empresa Janicki Bioenergy deve testar o Omniprocessor na cidade de Dakar, no Senegal.

http://www1.folha.uol.com.br/colunas/maragama/2015/01/1572704-lixo-o-copo-dagua-de-bill-gates-e-o-tratamento-local-de-esgoto.shtml

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s