Com araucárias, Floresta de Bolso resgata paisagem histórica de SP

No próximo domingo, uma turma deve suar a camisa para plantar araucárias e espécies frutíferas da Mata Atlântica, como a palmeira Jussara e o Cambuci, no parque Cândido Portinari, no Alto de Pinheiros, zona Oeste.

As árvores são nativas e fazem parte da paisagem histórica da cidade, tendo sido erradicadas pela ocupação do solo para moradias e vias e, intensivamente, pelas obras de retificação do rio Pinheiros. Esse tipo de Mata Atlântica Mista, com araucárias, é comum também nos estados do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina, do Paraná e em cidades paulistas como Campos do Jordão.

No século 16, o ex-rio Jurubatuba e o povoado em seu entorno foram batizados pelos jesuítas de Pinheiros por causa da grande ocorrência da araucária, também conhecida como Pinheiro do Brasil.

O plantio de domingo vai gerar a primeira Floresta de Bolso implantada em um parque e a maior já feita até hoje em São Paulo. O terreno a ser ocupado é de 600 metros quadrados e serão plantadas 600 árvores, de 90 espécies diferentes. Quem quiser  participar, é só chegar. Os plantadores são voluntários, unidos por grupos nas redes sociais.

Mais em: https://www1.folha.uol.com.br/colunas/maragama/2016/07/1796549-com-araucarias-floresta-de-bolso-resgata-paisagem-historica-de-sp.shtml

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s