Plano Regional da Baixada Santista prevê incineração de lixo

Meta é reduzir volume de resíduo produzido em nove cidades da região.

Apresentado pelo Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) na última quarta, 7, o Plano de Gestão de Resíduos da Baixada Santista prevê a instalação de uma unidade de incineração para redução do volume de resíduos.

É o primeiro plano regional feito pelo instituto e foi encomendado pela Agência Metropolitana da Baixada Santista (Agem). Custou R$ 700 mil e foi aprovado pelo Fundo Estadual de Recursos Hídricos.

Seu objetivo é administrar nos próximos 20 anos uma área de 2.420 quilômetros quadrados onde se localizam nove municípios: Bertioga, Guarujá, Santos, São Vicente, Cubatão, Praia Grande, Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe. A população da Baixada é de 1.765.431 habitantes, correspondendo a 4,1% do total da população do Estado.

Mais em https://www1.folha.uol.com.br/colunas/maragama/2018/03/plano-regional-da-baixada-santista-preve-incineracao.shtml

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s